Resumos

«Mundo ao Contrário»: resumo de 8 a 14 de julho

Mundo_ao_Contrario-resumo

Mundo_ao_Contrario-resumo

Resumo de 8 a 14 de julho de Mundo ao Contrário.

Episódio 55

César continua tenso, a tentar ligar a Maneca. Graciete pergunta-lhe se o informador dele é de confiança e César confirma. Assim, a madrinha manda-o para a porta do café controlar quem chega, que ela trata de se desfazer do produto.

Maneca vê finalmente as chamadas de César e tenta ligar-lhe, sem sucesso. Maneca beija Paula, que o afasta suavemente e diz que têm de voltar à realidade.

A polícia chega e revira o café todo de uma ponta à outra, perante o olhar descontraído de César. Graciete saiu momentos antes, com um carrinho de supermercado e dirigiu-se à oficina. Frustrados por não encontrarem nada, os polícias vão para casa de César, onde uma irritada Sheila e um assustado Rodrigo lhes abrem a porta. Sheila pede-lhes que se despachem, pois estava ocupada. Os polícias revistam a casa sem qualquer cuidado e depois identificam e revistam Sheila e Rodrigo.

Graciete deixa o carrinho de supermercado na oficina e dá uma desculpa a Sérgio, dizendo que o carrinho é muito pesado. João fica desconfiado e, apesar dos avisos de Sérgio, não resiste e vai ver o que é que está dentro do carrinho, descobrindo pacotes de droga. João e Sérgio ficam muito apreensivos. João pede a Sérgio que diga a César que se aquilo se repetir, ele vai à polícia. O rapaz pergunta-lhe se ele tem a certeza de que quer que César saiba e João sai, dizendo que não tem medo de César.

A polícia está frustrada por não ter encontrado droga e César usa isso a seu favor, queixando-se de lhe terem virado o café todo de pernas para o ar. Graciete surge, exagerando na indignação e a polícia começa a recuar, dizendo que se vão embora. Graciete diz ao afilhado para aproveitar que estão alguns populares reunidos no largo. Assim, o traficante sai e mobiliza os presentes contra a polícia que decide ir embora. César vê Mena e Tatiana a saírem do cabeleireiro e Mena desvia o olhar. César percebe o que se passou.

Maneca vai à oficina buscar o carrinho de Graciete e percebe que Sérgio está tenso. O rapaz conta-lhe o que se passou e Maneca diz-lhe que o melhor é João nem se atrever a ir à polícia, pois pode arranjar problemas sérios com César. Embora Sérgio saiba que Maneca tem razão, também o alerta para o facto de não deverem ter levado a droga para a oficina com eles lá, pois se a polícia ali fosse, eles é que iam dentro. Maneca vai a casa de Graciete e diz-lhe que João já sabe. Graciete fica apreensiva, mas responde que ela própria vai falar com João, quando Maneca lhe pergunta se ela quer que ele lhe dê um apertão. Graciete pede a Maneca que descubra quem é que contou à polícia e a essa pessoa deve dar uma boa lição.

Constança distrai-se a fazer um molho, pois está a pensar no beijo de Simão e Maxi dá-lhe uma descompostura. Clara tenta pôr água na fervura, dizendo que a ajuda a repetir o molho, mas Constança está farta. Assim, assistente de cozinha vai ao privado falar com Gilberto e diz-lhe que, antes que Maximiliano a despeça, ela mesma o vai fazer. No entanto, Gilberto convida-a para jantar e diz-lhe que ela pode pensar nesse assunto quando estiver mais descontraída.

João vai ao café falar com Graciete e esta pede-lhe desculpa pelo que se passou, mas João continua à defesa. A dona do café promete-lhe que nada daquilo via voltar a acontecer e João pergunta-lhe como é que ela pode garantir isso. De forma dura, Graciete diz que vive há cinquenta anos naquele bairro e sempre cumpriu com as suas promessas.

Lara pede dinheiro ao pai, mas este dá-lho como empréstimo. Lara fica chocada com a atitude do pai, mas ele reforça que está na hora de Lara aprender como funciona o mundo real. Assim, quando acabar o trabalho final da faculdade, vai trabalhar com ele e aquele dinheiro será descontado do ordenado.

César chama Mena a sua casa e a rapariga faz-se de desentendida perguntando se ele lhe vai pedir desculpa. O traficante agarra-a pelo braço, de forma violenta, obrigando-a a sentar-se e pergunta-lhe o que é que lhe passou pela cabeça para o denunciar à polícia. Mena fica em pânico.

 

/* ]]> */

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close