Resumos

«Bem-vindos a Beirais»: resumo de 17 a 21 de agosto

bem-vindos-a-beirais-resumo

Resumo de 17 a 21 de agosto da série Bem-vindos a Beirais.

Episódio de 17 de agosto: “Projeto de uma vida”

No minimercado, Alzira aguarda impaciente por Manel. Ele chega e confirma que o diretor lhe ofereceu emprego como supervisor da linha de montagem de motores. Alzira rejubila, mas Manel mostra-se pouco à vontade.
Susana ajuda Olga que se mostra queixosa e incapaz de andar sem ajuda, após uma queda no banho. Olga quer que Gabriel a ajude a dar as suas voltas. Ele tenta fugir, mas Susana pede-lhe paciência.

Alzira exalta-se com Manel ao saber que ele recusou o emprego. Perante a sua fúria ele tem dificuldade em se explicar. Garante que tem algo mais importante em vista. Ela sai desconfiada e ele fica a pensar na forma de arranjar o dinheiro que lhe falta. Olga censura a má vontade do neto para a ajudar. Gabriel tenta convencer a avó a vir buscá-la à saída da missa, mas ela obriga-o a fazer-lhe companhia.

Na oficina, Manel liga para o banco e fica desapontado com os entraves burocráticos para pedir um empréstimo. Alcides vem convidá-lo para beber um café. Manel aceita. Em casa, Olga entra a repreender Gabriel pelo seu ar de aborrecido. Ele prepara-se para sair, mas descobre que ela já tem novos planos que requerem a sua companhia. Está cada vez mais furioso, mas é obrigado a conter-se.

Manel aproveita para pedir a Alcides que financie a sua ideia milionária. Ele fala-lhe das condicionantes das aplicações financeiras que fez, mas dispõe-se a ouvi-lo. Manel prefere que o façam num local mais discreto.

Manel apresenta a Alcides a moto Zirinha, um modelo que irá revolucionar a indústria e torná-los ricos. Alcides não se deslumbra com o que vê, mas promete pensar e dar- lhe resposta no dia seguinte.
Gabriel ajuda Olga a sentar-se e propõe-lhe vir buscá-la depois do almoço. Ela exige que ele fique ali ao seu dispor e ameaça dar-lhe iscas o mês todo. Gabriel resigna-se, lançando olhares desesperados à mãe.

Sandro procura o pai e tentar perceber o motivo por que recusou o emprego. Manel explica que só o vai revelar quando chegar o momento. Alzira escuta a conversa. Gabriel acompanha a avó uma vez mais. Ela sai da sala, consulta o telemóvel e esgueira-se para a rua. Olga regressa a andar normalmente e admite que mentiu só para corrigir os maus hábitos da juventude.

Manel revela a Sandro e a Alzira o projeto e diz-lhes que Alcides será o seu sócio. Alzira quase desfalece com a deceção. Manel vai-se embora com Alcides antes que ela recupere e fique furiosa.

Episódio de 19 de agosto: “O casal do cupão”

Agostinho surpreende Nazaré a festejar de forma excêntrica. Ela conta-lhe que Carlos ganhou um carro no sorteio de hipermercado. Agostinho levanta t-shirts promocionais da sua beterraba. Oferece uma a Nazaré sob a promessa de a usar. Ela arrepende-se, pois é a medonha.

As sócias divertem-se com os looks de Carlos e Nazaré. Marina vai receber pedido de um casal e aproveita para apurar o porquê dos visuais. Agostinho oferece t-shirt a Marina. Esta vai ter com Susana, coloca-a a par das novidades e ambas troçam da situação.

Na sociedade recreativa, Agostinho propõe a Susana tornar-se seu fornecedor para que a empresa desta lhe permita levar a sua beterraba até novos mercados. Ela recusa. Ele oferece-lhe t-shirt e pede-lhe que reconsidere. Marina troça.
Carlos exibe o seu estilo a quem passa, orgulhoso de si. Nuno cruza-se com ele e Carlos explica-lhe que ganhou um descapotável.

Na Junta de freguesia, Patrícia brinca com o visual de Carlos. Nazaré estranha a expetativa do marido, uma vez que vão vender o descapotável. Ele, porém, recusa-se a desfazer-se do carro. Trocam argumentos e Carlos vai-se embora. Nazaré fica irritada.

Tozé atende Carlos enquanto Manel aguarda a sua vez. Carlos promete dar uma volta com os amigos, mas recusa deixá-los conduzir o seu descapotável. Mostra-se muito convencido com o seu novo carro.
Na sociedade recreativa, Júlio entra cauteloso e dá com Agostinho a distribuir os cestos com beterrabas pelas mesas. Susana indigna-se. Ele justifica-se e garante que a porta estava aberta. Susana vê a mochila de Gabriel, faz sinal aos outros, fingem que vão sair e apanham Gabriel escondido.

Carlos estranha a expressão de Nazaré. Repara num descapotável de brincar que ela recebeu e apercebe-se que afinal se trata do carro que ganhou no sorteio. Desapontado, quase desmaia. Nazaré tenta animá-lo.

Episódio de 20 de agosto: “Por Beirais”

Um habitante de Beirais sai aborrecido da Junta de freguesia. Patrícia desabafa com Nazaré que as queixas dos beiralenses se sucedem, mas que têm que acumular reparações para reduzir custos. Nazaré faz comentário e Patrícia tem uma ideia.
Julien entra em busca do pai. Tozé consegue convencê-lo a deixá-lo cuidar do seu cabelo. Julien autoriza Vasco a fotografá-lo antes e depois do corte.

Vítor chega e fica curioso com o assunto que prende Júlio ao jornal. Este mostra-lhe a notícia sobre o uso de amianto em edifícios públicos, diz-lhe que suspeita que o Posto seja um deles e explica que comprou um aparelho para o detetar.
Julien contempla com agrado o trabalho de Tozé. Vasco fotografa-o enquanto Tozé explica a Julien o que pretende com o seu site.

Patrícia propõe a um grupo que se ocupe das reparações de que a aldeia necessita, libertando a verba da Junta para outras prioridades. Fernando e Manel contrapõem e todos protestam.
Matias deixa-se fotografar por Vasco depois de ser atendido por Tozé. Vítor entra e brinca com a possível multa por falta de licença e comenta as estranhezas de Júlio, desde que sabe que é herdeiro. A piada de Matias deixa Tozé apreensivo.

Na Junta de freguesia, Patrícia enfrenta um protesto geral. Lembra-se de negociar os certificados e diplomas para quem mais contribuir para as reparações. Todos se animam com a ideia e Manel precipita-se para a rua, decidido a tomar a dianteira.
Vítor encontra Júlio a investigar o Posto para detetar amianto. O aparelho nada sinaliza, mas apita intensamente quando apontado a Vítor. Júlio resolve levá-lo de imediato ao consultório. Vítor é obrigado a acompanhá-lo, espantado.

Júlio insiste para que Nuno observe Vítor, garantindo que detetou nele uma overdose de amianto. Nuno estranha, mas pede que o deixe a sós com Vítor.
Fernando e Manel entram esbaforidos para reportar mais arranjos feitos por eles em Beirais. Nazaré toma nota e ambos pedem para ver como está a classificação. Patrícia não deixa, mas avisa que luta pelo primeiro lugar está renhida

Todos aguardam para saber quem mereceu o Diploma de Serviços Prestados à Nação. Fernando e Manel ficam furiosos ao descobrirem que foi outro habitante que ganhou. Ameaçam destruir tudo o que fizeram, mas disfarçam quando Patrícia lhes diz que os irá denunciar à GNR.

Episódio de 21 de agosto: “Dia sem mentiras”

Na rádio, Carlos e Diogo recebem a visita fugaz de Nazaré para exibir vestido. Diogo critica Carlos por não lhe ter dito que era horrível. Os dois amigos combinam só dizerem a verdade, no dia seguinte e estendem o desafio a toda a aldeia.
A Beirais FM anuncia o desafio para o “Dia da Verdade”. Olga garante que nunca mente. Gabriel defende que todos mentem e Tânia lembra as mentiras piedosas. Olga assegura que para ela o desafio é simples.

Na casa de turismo, Clara, Rita e Susana estão reunidas. Clara desliga o telemóvel, contrariada, e conta às amigas que não tem vontade de rever colegas de curso apesar de ter confirmado o convite para jantar. As outras riem da sua insegurança. Nazaré está radiante com o voucher para jantar que ganhou em concurso de receitas. Carlos fica para morrer quando sabe que será nessa noite. Alarmado ouve e fala com a sua consciência. Para não mentir sai atrapalhado, deixando Nazaré confusa.

Diogo tenta reforçar a autoestima de Clara, mas começa a impacientar-se com a sua mania de que está velha e gorda. Susana chega quando ele sai. Clara retoma o seu drama e Susana intima-a a não faltar ao jantar de curso.

Carlos tenta contar a Nazaré que planeava ver jogo, mas o beijo dela desconcerta-o. Volta a falar com a sua consciência e apenas lhe conta meia verdade. Nazaré fica desapontada, mas promete tentar adiar jantar. Quando ele sai ela vê o cachecol e fica intrigada.

Na sociedade recreativa, Nazaré entra e apercebe-se que haverá futebol. Faz algumas perguntas a Marina e fica magoada ao descobrir que Carlos teve a ideia da petiscada, mas não vai ajudar a servir.
Todos se preparam para assistir ao jogo. Marina e Susana vão atendendo os pedidos. Carlos beija cachecol da Seleção. Todos assistem ao jogo, empolgados. Carlos vibra. Nazaré entra, ignora-o e atrai as atenções masculinas. Carlos fica enciumado. Nazaré expõe publicamente a sua mentira e recusa-se a sair dali. Carlos tenta protegê-la dos olhares cobiçosos.

As sócias arrumam a sala. Já todos foram embora. Nazaré e Carlos terminam de beber. Nazaré confessa que já se sente vingada e propõe que voltem para casa. Carlos prepara-se para seguir, mas ela obriga-o a ajudar sócias.