Geral

Tiago Fernandes ainda está preso

Já passaram quase dois meses desde que o jovem foi preso por, alegadamente, ser o líder de um grupo que controlava a venda de droga num bairro lisboeta. No entanto, foi na passada semana que o Zé Tó de Doce Fugitiva foi transferido do estabelecimento Prisional na Rua Gomes Freire para o estabelecimento Prisional de Lisboa, na Rua Marques da Fronteira. Este procedimento leva a crer que o juiz de instrução encontrou indícios suficientes para manter a medida de coação até ao inicio do julgamento.

Segundo informações recolhidas pelo jornal Diário de Notícias, Tiago Fernandes terá afirmado ao juiz que a heroína e a cocaína apreendidas seriam para consumo próprio. Todavia, esta versão não terá convencido o juiz que considerou que havia a possibilidade de o actor voltar ao mundo do crime, no caso de ser posto em liberdade. Fotografias do jovem a vender estupefacientes e garantias dadas por pelo menos quatro dos sete envolvidos no processo de que era ele quem lhes fornecia as substâncias ilícitas terão ajudado a esta decisão.

Em declarações à revista ANA, o tio do actor, António Manuel, admitiu que à família tem chegado pouca informação sobre o processo e que Tiago só tem direito a duas visitas, preenchidas pelo seu pai e pela sua mãe. Este tempo de espera não tem sido fácil, nem para os seus familiares, nem pelo próprio jovem que, revoltado, já ameaçou suicidar-se. Quem o garante é seu tio: “O Tiago até já disse à mãe que se enforcava. É o desespero. Agora imagine o que é uma mãe ouvir isso da boca de um filho. Ela ficou completamente transtornada.”

/* ]]> */

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close