Geral

RTP1 à frente da SIC em Setembro

Pela primeira vez este ano, a RTP1 ficou à frente da SIC, acabando em 2º e em 3º lugar, respectivamente. Mas a diferença é muito pouca: a RTP1 conseguiu apenas mais duas décimas que a SIC. Ainda assim, a SIC vai à frente da RTP1 na média anual. A TVI é que é líder no mês e no ano.

Segundo a Marktest a noticiado pelo jornal “Diário de Notícias”, a estação pública registou, em Setembro, 23,3% de share, duas décimas percentuais acima da quota de mercado obtida pela estação de Carnaxide no último mês (23,1%), tendo sido a pior do ano.

O mês de Setembro a SIC estreou “Rebelde Way”, “Vip Manicure”, ” O Momento da Verdade”, “Lucy” e “A Roda da Sorte”. No entanto, os resultados dos novos programas da estação não conseguiram fazer frente às boas audiências que a RTP1 obteve com os jogos de futebol, já que a estação detém os direitos de transmissão da Liga Sagres, o que lhe dá direito a emitir um desafio por jornada. A estação pública transmitiu também jogos da Liga dos Campeões neste mês – o jogo entre o Arsenal e o FC Porto foi, aliás, um dos cinco programas mais vistos do mês, com 46% de share.

A TVI continua como líder incontestável do ranking das audiências, com 32,5% de share, tendo registado uma subida em relação ao mês anterior (mais 2,5% que o mês de Agosto). A estação é responsável, aliás, por três dos cinco programas mais vistos em Setembro: o jogo entre Portugal e Dinamarca, com 54,8% de quota de mercado; um episódio da novela “A Outra”, que registou 50% de share, e ainda um episódio de “Feitiço de Amor”, com 44,1%.

Já a RTP2, depois do recorde obtido em Agosto com os Jogos Olímpicos, regressa a valores mais baixos. O segundo canal regista 6% de quota de mercado, menos 2,1% que no mês anterior. No entanto, este valor é superior ao obtido nos primeiros seis meses deste ano.

Em relação à média anual, a RTP1 está em 3º lugar com 23,2%, a SIC tem 25,1% de quota de mercado ficando em 2º lugar e a TVI é líder, registando 30,5% nos nove primeiros meses de 2008. A RTP2 sobe este ano registando uma média mensal de 5,8% (mais cinco décimas percentuais que em 2007).

/* ]]> */

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close