Geral

Realizador explica aposta em trilogia de clássicos do cinema

11208642_1032767223421756_4537011364406361957_n

Leonel Vieira é o realizador das novas versões de O Pátio das Catingas, O Leão da Estrela e Canção de Lisboa, inseridos na Trilogia Novos Clássicos. Em declarações à imprensa, na Comic Con Portugal, explicou esta aposta em vários filmes.

«Se formos entrar no terreno de inspiração dos clássicos, eu pensei logo que não valia a pena fazer só um. Eu achei que para Portugal era preciso uma coisa mais estruturada do que um caso isolado, para convencer o público a deixar de ter medo de olhar para um cartaz nas salas de cinema e comprar o bilhete com a mesma tranquilidade que compra um bilhete para um filme de estúdio», disse na conferência de imprensa. Leonel Vieira considera que as pessoas só tomam algo como um dado adquirido se ele se sistematizar, «se ele se tornar natural». «Portanto, um filme só não chegava. Então lembrei-me: vamos fazer uma trilogia», confessou o realizador.

Assista à reportagem do aTV na Comic Con:

Entrevista exclusiva a protagonista de «Os Descendentes»

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close