Geral

“Negócio da China” supera as antecessoras

“Negócio da China”, novela de Miguel Falabella e que conta com um núcleo português, estreou na passada segunda-feira, dia 6. A primeira semana da novela tem um resultado positivo, especialmente quando este produto foi “encomendado” de urgência para subir as audiências de um horário que estava em queda.

Desde a novela “O Profeta” que o horário das 18 da Globo estava a descer. A média exigida por aquela estação para aquele horário é de 30 pontos e as novelas que se seguiram começaram a marcar bem menos. O primeiro episódio da novela alcançou os 30 pontos e, apesar dos episódios seguintes terem sido abaixo daquele valor, alcançou números superiores às antecessoras.

Nos seis primeiros episódios, a novela alcançou uma média de 25 pontos, aumentando em 15% a audiência do horário. Ontem, a novela alcançou 21 pontos (ao sábado, as novelas descem visto que o consumo televisivo é menor).

Em relação com as antecessoras, veja o quanto atingiram na primeira semana de cada uma (valores apresentados pelo site “O Planeta TV!”):

Negócio da China – 25
Ciranda de Pedra – 22
Desejo Proibido – 25
Eterna Magia – 27
O Profeta – 35

As próximas semanas poderão ser importantes para o desempenho da novela. Mas uma coisa é certa: os 22 pontos que a Globo estava a marcar naquele horário, pelo menos nesta primeira semana de “Negócio da China” não marcou. E a tendência de queda foi superada.

Genérico da novela

{youtube}Zlf0eEkefaA{/youtube}

/* ]]> */

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close