Geral

Paulo Rocha e as diferenças entre a ficção brasileira e a portuguesa

Paulo Rocha

Depois do Danilo de Sedução e de gravar Noiva, Procura-se para a TVI, o ator está já no Brasil onde se dedica de corpo e alma ao Guaracy de Fina Estampa, cuja estreia nos ecrãs da rede Globo está marcada já para a próxima segunda-feira.

É em declarações à TV 7 Dias desta semana que Paulo Rocha fala sobre as diferenças entre trabalhar no Brasil e em Portugal. “Em termos de técnicas, há diferenças, obviamente, mas em termos humanos não é igual. Curiosamente, até é muito parecido. A dinâmica, a qualidade do trabalho e tudo mais”, frisou.

Quanto à relação com os colegas, “tem sido ótima. Nesse ponto, tive imensa sorte. Representar é uma linguagem que acaba por ser universal e tenho tido sorte em contracenar com o melhor que existe em Portugal e o melhor aqui do Brasil, muita sorte mesmo!”, finalizou.

/* ]]> */

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close