Geral

Novo sistema de audiências pode tirar liderança do horário nobre à TVI

Iniciou-se hoje uma nova e importante fase no sistema audiométrico nacional. Como é do conhecimento geral, a GFK passou a ser a empresa responsável por esta medição, mas está longo de existir consenso entre esta entidade e os canais de televisão.

Depois de o jornal Expresso anunciar que TVI e RTP votaram contra, eis que o jornal Diário de Notícias anuncia novos dados sobre esta situação. Fontes ligadas ao processo explicaram ao DN que, na origem desta discórdia, está o facto de os ensaios de medição de audiências, feitos pela GFK nas últimas semanas, apresentarem resultados substancialmente diferentes dos que a Marktest vinha historicamente registando.

No caso da televisão do estado, os resultados dos testes atribuem números “5 a 6 pontos inferiores” à habitual média da RTP, por exemplo. Já sobre a TVI, há mesmo grandes motivos de preocupação. De acordo com o que apurou o Diário de Notícias, os testes dão conta de uma quebra bastante significativa no horário nobre em relação aos valores apurados pela anterior empresa. A confirmar-se esta situação, a liderança no horário nobre deverá deixar de pertencer à TVI, o que implicará uma grande quebra nas receitas da estação.

Resta aguardar por amanhã, quando sairá o primeiro relatório da GFK, para se saber se estas informações estão certas. Até lá, a especulação continuará a existir.

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close