Geral

Médico suicida-se após morte de concorrente de «Survivor»

Koh-lanta-la-revanche-des-heros-l-aventure-reprend-le-6-avril_portrait_w532Um concorrente da versão francesa de Survivor faleceu durante as gravações do programa, tal como A Televisão noticiou. Gérald Babin, de 25 anos, faleceu a 22 de março e a sua morte levou ao cancelamento do programa, com o nome de Koh-Lanta. O participante morreu de paragem cardíaca após participar na primeira prova que disputara nesse dia e, a partir de então, o nome do médico, Thierry Costa, tem sido muito falado na imprensa.

Thierry Costa, de 38 anos, era o médico da versão francesa de Survivor e suicidou-se, esta segunda-feira, após a morte do concorrente há pouco mais de uma semana. O profissional escreveu uma carta de despedida, onde acusou a imprensa de o ter perseguido. «O meu nome foi enunciado publicamente nos últimos dias. Acusações e suposições injustas sucederam-se contra mim. Sempre procurei, durante toda a minha vida profissional, trabalhar com respeito e amor para com os meus pacientes, cumprindo estritamente o juramento de Hipócrates. Tenho a impressão de que os meus esforços e trabalho foram reduzidos a nada, vítima de calúnias e mentiras publicadas pela imprensa», escreveu Thierry Costa na sua carta, segundo avançou o Diário de Notícias.

Segundo a produtora, após ser atendido no local, o médico decidiu que o jovem fosse levado de helicóptero para um hospital e que, durante o transporte, o jovem sofreu a paragem cardíaca. O caso fez com que fosse aberta uma investigação preliminar por homicídio e está previsto que os interrogatórios arranquem esta semana. O médico, que trabalhava há quatro anos no reality show que em França chegou à 16.ª temporada, suicidou-se no Cambodja.

/* ]]> */