Geral

Júlio Magalhães não tem saudades da TVI

Um mês depois do adeus definitivo à televisão de Queluz de Baixo, o diretor-geral do Porto Canal garante à edição desta sexta-feira do Correio da Manhã que não sente saudades da TVI.

Júlio Magalhães confessa que se “surpreendeu por ter menos saudades do ecrã de Queluz de Baixo, do que aquilo que estava à espera” e aponta potenciais razões: “Talvez porque assim que saí da TVI ainda não parei. Estou muito empenhado com o Porto Canal”.

Ainda assim, o jornalista garante ter “boas memórias” dos doze anos em que esteve na televisão do grupo Media Capital e que se sentisse saudade seria dos “bons amigos” que por lá deixou.

Por agora, diz estar “totalmente focado” no Porto Canal que, considera, “estar já a ganhar notoriedade no cabo”. “Não temos o orçamento da TVI, mas temos vindo a crescer, com conteúdos mais interessantes e esse é um trabalho que se deve ao Domingos (Andrade), o director de Informação”, afirma Júlio Magalhães.

  • João Guerra

    Também não tenho saudades do Júlio.

    • AnOn

      Quem o Júlio não tem saudades é de ti, pois nem sabe quem és, nem que existes…

/* ]]> */

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close