Geral

Gato Fedorento: “Não temos uma ideia que valha a pena fazer para televisão”

gatofedorento

Ainda não chegou o momento oportuno. É assim que José Diogo Quintela justifica o período sabático que o quarteto humorístico vive desde o final de Esmiúça os Sufrágios, o programa de sátira política transmitido na SIC em setembro e outubro de 2009.

José Diogo Quintela refere que “como grupo, não temos uma ideia que achamos que valha a pena para fazer televisão”, apesar das inúmeras demonstrações de interesse por parte da estação de Carnaxide. “A SIC mostrou interesse em continuar com o Esmiúça os Sufrágios e mais do que uma vez depois disso”, conta.

No entanto, José Diogo Quintela não descarta a hipótese de os Gato Fedorento regressarem no futuro ao pequeno ecrã: “Nessa altura, vamos perguntar (às estações de televisão) ”, brinca.

  • Zoim

    Nem televisão nem mais nada. Vocês não valem NADA.

    • Pedro Ponte

      Eles deram audiências tanto à SIC como à RTP! Além de terem um humor subtil, em nada comparado ao humor fácil de, por exemplo, Herman José (que passou há história, agora com 10% de share) e de Camilo de Oliveira (que até já se reformou!)

/* ]]> */

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close