Geral

CAEM defende-se das notícias que deram conta de quebra de espetadores

Foi na tarde de ontem que a CAEM, Comissão de Análise de Estudo de Meios enviou um comunicado às redações defendendo-se das críticas a que tem sido sujeita devido à quebra de espetadores.

Segundo o comunicado são “absolutamente infundadas algumas notícias sobre a quebra do número de telespectadores nas audiências do dia 25 de Março, postas a circular durante o dia de ontem [2ª feira] antes das 19h45, hora a que foram distribuídos os dados de audiências de televisão, devidamente validados pela CAEM e que pelo contrário registaram aumento de consumidores de Televisão”.

A CAEM refere também que “no horário previsto (08h39) foram rececionados os dados provenientes da GfK respeitantes ao dia 25 e enviados à Mediamonitor para distribuição”. Mas “às 09h18 foi enviada informação avisando os utilizadores para não utilizarem os dados enviados e que seria enviado novo ficheiro corrigido”. A essa hora “a GfK detectou uma inconsistência entre os dados produzidos e o ficheiro enviado, dando disso nota à CAEM, que imediatamente informou os utilizadores”.

Ficou por saber que incongruências foram essas detetadas.

Fontes próximas referidas pelo Meios & Publicidade referem que os dados do primeiro ficheiro enviado de manhã de 2ª feira davam conta de um consumo inferior a mais de 1 milhão de espetadores.

/* ]]> */

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close