Geral

27 empresas de publicidade mudaram anúncios dirigidos a crianças

publicidade

publicidade

Vinte e sete empresas de publicidade aceitaram mudar os anúncios de determinados produtos alimentares dirigidos a crianças até aos 12 anos. A mudança deve deixar na gaveta as alterações à lei da publicidade que pretendia reforçar as restrições.

Segundo o relatório de Monitorização dos Compromissos do Setor Alimentar relativo a 2012 divulgado pela Associação Portuguesa de Anunciantes (APAN) e pela Federação das Industria Portuguesas Agro-Alimentares(FIFA), as taxas de cumprimento da publicidade em televisão são de 99.2%, resultado de 21 152 anúncios publicitários das empresas, emitidos no primeiro trimestre de 2012 em Portugal, adianta o jornal Correio da Manhã.

Para a APAN, o relatório, resultado de um trabalho da Accenture e do Instituto Politécnico de Castelo Branco, realça o sucesso do sistema de autorregulação e destaca ainda o facto de o «compromisso», que data de 2009, ter partido de uma iniciativa voluntária de um conjunto de empresas a operar no mercado nacional. O documento indica ainda que as vinte e sete empresas representaram, no ano passado, cerca de 75 por cento da totalidade do investimento publicitário relativamente a marcas de marcas de iogurtes, de cereais e de hambúrgueres em Portugal.

/* ]]> */

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close