Famosos

Teresa Guilherme pressionou Paulo Rocha a assinar contrato com a TV Globo

O ator Paulo Rocha, que atualmente está no Brasil a gravar «Guerra dos Sexos» para a TV Globo, é como um filho adotivo para Teresa Guilherme. A relação de amizade entre os dois surgiu há cinco anos, quando o ator se mudou para a SIC para interpretar o vilão da novela «Vingança».

«Ele é um filho adotivo. Foi um filho que o trabalho me trouxe. O Costa Reis foi o pai efetivo. A minha ligação com o Paulo tem cinco anos. Ele já tinha 30. É diferente. Temos uma relação afetiva grande e compreendemo-nos muito bem.», assume Teresa Guilherme à TV 7 Dias. Foi a apresentadora quem, em julho passado, pressionou o ator a assinar contrato de exclusividade até 2015 com a TV Globo: «Quando ele fez o contrato no Brasil eu estava lá. O Paulo não queria ficar. Achava que já estava lá há muito tempo. Um contrato daqueles com a Globo durante quatro anos, caramba, é um elogio.», revelou.

No Brasil, Teresa Guilherme viu com os seus olhos o sucesso do ator. «Ele é um autêntico gato das novelas das 8, como se costuma dizer por lá. Ele apresentava-me às outras pessoas como sendo a mãe dele e o curioso é que passei a não pagar cabeleireiro, por exemplo», contou a apresentadora, acrescentando que «Ele chama-me mãe, falamos com muita frequência no Skype e trocamos mensagens pelo Viber. Falamos sobre as nossas coisas, tal como fazem normalmente as mães e os filhos. Por exemplo, agora tenho falado sobre o programa que está a começar, e ele tem falado sobre a novela dele (“Guerra dos Sexos”) e também temos falado sobre a reação dos portugueses à novela “Fina Estampa”, onde ele entra e que está a ser agora emitida em Portugal (na SIC).». Apesar de ter sido a grande impulsionadora da sua ida para o Brasil, a apresentadora já reclama a presença de Paulo Rocha: «Estou feliz por ele lá estar, mas tenho muitas saudades. Ele estava muito por minha casa, encontrávamo-nos sempre… Aparecia para almoçar e jantar.», disse à mesma publicação.

/* ]]> */