Famosos

Júlia Pinheiro: «A minha casa é o meu refúgio»

Julia Pinheiro

 

Em declarações à Caras desta semana, Júlia Pinheiro fala da sua carreira profissional, bem como dos seus objetivos e dos seus erros.

Sobre a sua personalidade e as eventuais alterações da mesma, a apresentadora do Querida Júlia afirma: «Há características da nossa personalidade que nunca se alteram. O tempo só nos dá mais espaço e maturidade para as usar. Sou a mesma pessoa de sempre, não mudei nada. Talvez esteja um bocadinho mais tolerante, a idade traz-nos isso. Não sou é muito paciente! Também me tornei mais exigente». Diz ainda que «tenho esta sorte, de estar aos 50 anos no sítio certo, com um desafio tremendo nas mãos. Estou numa empresa que sempre esteve à frente. Está a abrir-se um novo ciclo de indústria da televisão e eu estou aqui».

Sobre os seus objetivos, a Diretora de Conteúdos de Carnaxide argumenta «Pessoalmente, é uma fase muito mais tranquila, porque os filhos já estão crescidos, já têm as suas vidas. Estou muito empenhada na minha carreira, em ter boa qualidade de vida. Trabalho muito, mas sinto que tenho de equilibrar as coisas».

Relativamente a desafios, a apresentadora que celebrou recentemente 50 anos revela que não deve existir muito mais do que aquilo que já fez, e ambiciona ver o seu programa líder dizendo: «Estou a fazer um programa diário, que ainda não é líder e tem de ser, tenho de ajudar a estruturar e a consolidar aquela que é a nossa estratégia para o day-time… Tenho desafios de uma grande responsabilidade pela frente».

«Depois de termos feito um percurso completo, há coisas que já não podemos falhar. E quando isso acontece, confesso que fico um bocadinho irritada, mas depois passa. Ao contrário do que pensam em casa falo muito pouco, ou menos do que aquilo que falo em televisão, o meu marido fala muito mais do que eu! Eu estou mais calada! As coisas lá em casa são muito serenas. Aliás, a minha casa é o meu refúgio. Cada vez mais preciso do meu silêncio, do meu recato e do meu sossego», diz Júlia sobre a forma como lida com os erros ou com algo que não corre tão bem.

/* ]]> */

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close