Cabo

Governo repensa produção nacional nos canais temáticos

tv cabo

Apesar de alguns dos canais temáticos já produzirem conteúdos nacionais, o Governo de Pedro Passos Coelho está a deliberar uma mudança da lei para que seja obrigatório existir uma quota na programação para programas produzidos em Portugal.

“O Governo não só percebeu a situação, como concordou que, provavelmente, será necessário mexer na legislação”, confessou António Borga, presidente da Associação de Produtores Independentes de Televisão, ao Correio da Manhã.

Apesar de existirem canais que já começaram a produzir em português para portugueses, persiste ainda uma lacuna nesse sentido no universo do Cabo: “Canais do cabo como a SIC Mulher, por exemplo, estão sujeitos a um sistema de quotas, enquanto os que não são originários do território português, não estão obrigados a incorporar produção local/nacional. A Fox, tanto quanto sabemos, também se prepara para investir em conteúdos de produção nacional. Mas destaco que estes canais fizeram–no voluntariamente, não por imposição da lei”.

Tal alteração irá proporcionar um maior trabalho para produtoras nacionais, tais como a CBV, SP Televisão, Endemol, entre tantas outras.

/* ]]> */

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close