Cabo

‹‹Furacão Sandy: Inferno em Nova Iorque›› estreia no Odisseia

odisseia

odisseia

‹‹Furacão Sandy: Inferno em Nova Iorque››, que o canal Odisseia estreia no dia 22 de fevereiro, às 22h00, analisa, com base na análise dos melhores cientistas e meteorologistas da atualidade, as condições que levaram a uma espiral de destruição que ceifou a vida a cerca de 200 pessoas.

O furacão Sandy, que afetou cerca de 50 milhões de pessoas nos EUA, causando perdas económicas estimadas em 50 biliões de dólares, é a quarta catástrofe mais cara dos EUA, atrás do furacão Katrina, em 2005, dos ataques de 11 de setembro de 2001 e do furacão Andrew, em 1992.

A supertempestade que trouxe o caos à cidade de Nova Iorque no passado mês de outubro, começou por causar a morte a 66 pessoas nas Caraíbas, progredindo de forma letal para a Costa Leste dos Estados Unidos, onde arrasou e superou todas as expectativas.

Para fazer frente ao seu poder destrutivo, foi decretado estado de alerta. Nova Iorque preparou-se para o pior, optando pelo cancelamento de 13.700 voos, paralisando a rede de transportes públicos e fechando provisoriamente a Bolsa de Valores, encerrada pela primeira vez desde 2001, após os ataques terroristas de 11 de setembro.

Com a força da chuva torrencial e os ventos com mais 140hm/h, Nova Iorque, uma das cidades atingidas pelo furacão Sandy, transformou-se numa metrópole fantasma, vítima de diversos transtornos como inundações, falta de eletricidade e longas filas de carros nos postos de gasolina.

A pergunta que se faz à comunidade científica é clara: estamos perante uma tempestade única ou fará parte de um ciclo de desastres naturais?

Sexta-feira, dia 22 às 22h00.

/* ]]> */

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close