Cabo

Eurosport e Discovery prometem maior cobertura de sempre das Olimpíadas de Inverno 2018

A cerca de um ano do início de PyeongChang 2018, a Discovery Communications e o Eurosport assinalam a data com a revelação da estratégia editorial para os Jogos Olímpicos de Inverno. O Eurosport compromete-se a fazer ainda mais para oferecer a «Suprema Experiência de Espetador dos Jogos Olímpicos», permitindo-lhe a visualização de todos os momentos, a partir de todos os ângulos, ligando toda a gente, ao longo da competição e em todas as plataformas.

Aproveitando a experiência do Eurosport na cobertura de desportos olímpicos ao longo de todo o ano, a Discovery fará chegar os Jogos Olímpicos a mais pessoas e a mais ecrãs, através dos canais de televisão Eurosport e dos seus serviços digitais em 50 mercados.

Para os Jogos Olímpicos de Inverno, o Eurosport transmitirá mais de 100 eventos em direto e em on-demand, proporcionando acesso em qualquer dispositivo e a qualquer momento. Isso fará de PyeongChang 2018 os Jogos Olímpicos mais digitais de sempre no território europeu, dado que garante a cobertura de cada momento de ação para os espetadores, criando igualmente uma forte relação com os sites digitais propriedade da Discovery (incluindo o Eurosport.com) e com as redes sociais.

JB Perrette, Presidente e CEO da Discovery Networks International, afirmou: «O nosso compromisso de redefinir a experiência dos telespetadores nos Jogos Olímpicos e promover uma maior relação com as pessoas em toda a Europa, é um objetivo ousado que pretendemos cumprir e até superar. Tendo essa motivação, a Discovery partilha muitos dos valores representados pelos Jogos Olímpicos, e estamos entusiasmados por poder contar essas fascinantes histórias de ambição, sacrifício e superação. A Discovery e o Eurosport continuarão a viver de acordo com os estatutos de inovação no setor, e preencherão um vazio que existe para os Jogos Olímpicos, cobrindo cada momento, a partir de todos os ângulos e ligando a toda gente».

Peter Hutton, CEO da Eurosport, afirmou: «Vamos oferecer aos fãs algo verdadeiramente diferente: a possibilidade de seguir cada herói local, de cada desporto e a cada momento que lhes interesse. Temos o prazer de revelar a estratégia editorial que vai dar vida a isso, e nos permitirá fazer de PyeongChang 2018 os primeiros jogos digitais de sempre na Europa. Oferecer cada momento dos Jogos Olímpicos é essencial, dada a expectativa dos fãs e do compromisso do Eurosport com o desporto em direto. Uma marca da nossa ambição é que iremos ainda mais longe do que qualquer outro canal, através de um acesso exclusivo, no local, e uma estratégia de conteúdo formada em torno dos pilares: Direto, Inovação, Lado Humano e Envolvência».