Cabo

Canais no cabo não-fiscalizados provocam desconfiança

Foto: Sol
Foto: Sol
Foto: Sol
Foto: Sol

Apenas 56 em 300 canais no cabo, em Portugal, são sujeitos à jurisdição nacional, sendo fiscalizadas pelo regulador dos media. Isto provoca o levantamento de várias questões, como as que se referem à publicidade.

Canais como o AXN e a FOX enriquecem milhares de euros diariamente, apenas com anúncios publicitários – e não são fiscalizados. Mesmo sendo só um dos múltiplos exemplos, canais como a TVI já questionaram a Entidade Reguladora para a Comunicação Social (ERC) sobre este assunto, avança o Correio da Manhã.

A mesma já veio a público dizer que se descobrir “concorrência desleal” irá entregar o caso à Comissão Europeia: «É uma matéria da maior importância para os operadores televisivos mas, também, para o regulador. Tomámos algumas diligências, contactámos oficialmente as nossas congéneres europeias, já recebemos informações relevantes das mesmas e estamos a avançar com medidas», explica a vogal Luísa Roseira da ERC.

  • sacg96

    Ao menos eles enriquecem com o dinheiro da publicidade mas apostam em novas séries, e trazem-nas para Portugal, algumas com apenas uma semana depois, ou agora no caso de TWD 1 dia depois dos EUA.

    Concorrência desleal? Comecem a ter conteúdos à altura, séries boas, poderão assim não ter essa concorrência desleal. Não entendo isto, querem ganhar dinheiro a todo o custo, esta TVI -.-

  • NEK

    Só se preocupam com publicidade. Então se canais como AXN e FOX ganham milhares de euros em publicidade e só dão meia dúzia de publicidades, no caso da SIC e da TVI, o que devem de ganhar com 15 a 20min por hora ou coisa parecida.
    Por outro lado, estes canais (AXN e FOX) já recebem dos operadores devido aos assinantes, vendo bem nem deveriam de ter publicidade.
    No caso do Discovery Channel e Bio. não sei como será, só costumam dar publicidades espanholas…

  • Peter Pink

    Ahah já cá faltavam as queixinhas. Lançam canais cabo que não vão muito bem das pernas, não têm dinheiro para comprar séries (a FOX e o AXN são propriedade de canais norte-americanos que as produzem e, por isso, é-lhe mais fácil adquiri-las/obtê-las) e depois é esta conversa. Paguem a pessoas que saibam de televisão e deixem de querer ganhar na secretaria. Cada canal tem as suas vantagens competitivas. Concorrência desleal é pagar à ZON para mudar a posição da RTPN para dar lugar à TVI24. Isso sim é muito feio.

  • Jorge

    Não estão registados em Portugal, logo nunca devem ser submetidos a legislação, e não há nada que a Comissão Europeia possa fazer a esse respeito. Comecem mas é a apostar numa programação de jeito.

/* ]]> */

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close